REGULAMENTAÇÕES GERAIS

Confira agora a validade dos seus documentos e regulamentações que se aplicam a sua viagem !
A presente tem caráter informativo., observando que são regras gerais adotados por cada órgão, país ou empresas e estão sujeitos a alterações sem aviso prévio. Informações fidedignas devem ser obtidos diretamente junto aos órgãos ou empresas.

1 – DOCUMENTAÇÃO DE VIAGEM:
Viagem internacional requer : Passaporte válido por mais de 6 meses durante a viagem com pelo menos 2 folhas em branco., www.dpf.gov.br ., exceto para Mercosul: Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai que aceitam reciprocamente o RG ORIGINAL emitidos com menos de 10 anos.
NENHUM outro documento é reconhecido internacionalmente (CNH, CRM, OAB, etc.) exceto para exilados, apátridas, etc.…
Nos voos domésticos são aceitos outros documentos além do RG ORIGINAL., carteiras OAB, CRM, CNH, etc., todos originais com fotos e em bom estado de conservação. Observando que o RG tem validade de 10 anos.
Vacina (certificado internacional em inglês) contra febre amarela para:  Quase todos os países da América do Sul, Central, África, Oriente Médio, China, India e Sudeste Asiático,… etc. . inoculado com pelo menos 10 dias de antecedência do embarque. vide mais www.anvisa.gov.br
Vistos consular obrigatório para Brasileiros: Estados Unidos, Canada se for via terrestre, Japão, China, Índia ,…  etc. :
Muitos vistos de turismo são emitidos localmente ou no desembarque: Vietnam, Camboja, Laos, Myanmar, Nepal, Indonésia,  etc., e requer dados do passaporte, fotografias., custos variam de US$ 35,00 a US$ 100,00 e a parte terrestre deve estar reservada e paga.
vide mais  www.tabitours.com.br > help desk > vistos.
Nacionalidade isentos de visto para os Estados Unidos: Alemanha, Andorra, Austrália, Áustria, Bélgica, Brunei, Cingapura, Dinamarca, Eslovênia, Espanha, Finlândia, França, Holanda, Irlanda, Islândia, Itália, Japão, Liechtenstein, Luxemburgo, Mônaco, Noruega, Nova Zelândia, Portugal, Reino Unido, San Marino, Suécia e Suíça., deverão ter um número de aprovação do Sistema Eletrônico para Autorização de Viagem (ESTA), fornecido pelo Departamento de Segurança Interna dos EUA (DHS), O número será emitido após preenchimento do formulário de solicitação ESTA on-line (https://esta.cbp.dhs.gov) antes da viagem aos EUA.
Mercado Comum Europeu não exige visto consular aos brasileiros, somente Seguro de viagem Tratado Schengen, com cobertura mínima de Euros 30.000,00 e Euros 60,00 em espécie por dia para alimentação, excluindo despesas de hospedagem e transportes.
Menores: Autorização de viagem  para menores de 18 anos DESACOMPANHADOS: de ambos ou do cônjuge que não for viajar, com firma devidamente reconhecida por autenticidade , em caso de viuvez, atestado de óbito. Filhos menores de Brasileiros residentes no exterior, independente da nacionalidade deste menor, deve vir com autorização emitido pelo consulado e também checar com a cia aérea se para regressar requer autorização do Juizado de Menores ou Vara da Infância e Juventude que estão localizados dentro dos fóruns.
Estrangeiros necessitam de Passaporte e RNE original VÁLIDO para reingressar no Brasil., observando que as informações acima são para Brasileiros.
Aluguel de carros: Nos Estados Unidos é aceito a carteira nacional de habilitação juntamente com um cartão de crédito., para Europa é necessário a Carteira Internacional de Habilitação, veja contratos e condições detalhados > www.hertz-int.com.br . Ao assinar qualquer documento., confira se o valor pago no Brasil foi deduzido.

2 – PASSAGEM AÉREA –  regulamentações gerais:
Passagem aérea é nominal e intransferível, assim como a reserva também é intransferível.

Sobrenome e nomes conforme consta no passapaporte.

A reserva não garante a tarifa, somente a aquisição., que deve ser no mesmo dia.
A cia. NÃO endossa trechos de sua passagem para outras cias.

Na classe econômica existem 10 níveis de tarifas que chegam até 50% de desconto., no entanto a reserva não garante a tarifa, somente a aquisição.

Muitos hotéis também adotam este procedimento, não tendo mais diárias fixas.
VALIDADE – MULTAS – CANCELAMENTO – REEMBOLSO:
Passagens domésticas são válidas 1 ano, no entanto não garantem a viagem na mesma tarifa. Passagens expiradas não tem direito a reembolso.
Passagens promocionais internacionais são válidos de 20 a 90 dias, 3 ou 6 meses para Europa, até 1 ano de validade máxima para tarifas cheias., passagens ponto a ponto exigem estadias mínimas que variam de 5 a 10 dias.
Uma vez adquirida, só é possível cancelar no mesmo dia., a partir do dia seguinte requer solicitar o reembolso, com deduções de taxas de serviços e multas de R$ 80,00 a R$ 100,00 nas passagens nacionais e US$ 50,00 a US$ 350,00 nas passagens promocionais internacionais., ressaltando que há tarifas promocionais com multas de 50%  ou sem direito a qualquer reembolso, promocionais internacionais não reembolsam o trecho de volta não utilizada por qualquer razão., alguns passes internos da Europa e Estados Unidos não aceitam sequer remarcação de data e também não são reembolsáveis. Reembolso para passagens pagas à vista demoram cerca de 50 dias., se pago com cartão de crédito, todas as parcelas devem estar quitadas e todo o trâmite deve ser feito diretamente pelo titular junto ao cartão.
ALTERAÇÃO: qualquer alteração de reserva está sujeito a pagamento de multa, se na mesma tarifa a multa para passagens nacionais é de aproximadamente R$ 80,00 e internacionais de US$ 50,00 a US$ 250,00 mais diferenças tarifárias se houver., podendo esta diferença chegar a 100% do valor pago na internacional e até 5 vezes na nacional, dependendo da classe tarifária. Após o embarque diferenças de alterações devem ser pagos localmente. Também dependendo da tarifa paga e optando por uma classe mais barata, haverá o reembolso da diferença., neste caso solicitar uma cópia da reserva onde menciona os respectivos valores, para recebimento do crédito.
Tarifas ponto a ponto e promocionais normalmente não permitem mudança de itinerário.
NO SHOW – significa que você não se apresentou para embarque e NÃO cancelou a sua reserva., dependendo do tipo de tarifa e da cia aérea, a multa pode chegar a 80% do valor do trecho ou a perda total.
OVER BOOKING – você pode não embarcar por excesso de lugares vendidos., a cia aérea é obrigada a reacomodar em outro voo, mesmo que de outra cia no período de 4 horas.,  caso não consiga,  está obrigada a pagar hotel, refeições, transportes., e as vezes nos voos internacionais ofertam até US$ 250,00 para que você aceite a alteração., estas regras não se aplicam em casos de problemas climáticos, tempestades, acidentes ou outras eventualidades alheio ao controle das mesmas. Reclamações devem ser feitas no ato junto a ANAC no próprio aeroporto.
Por isso é importante que a sua reserva tenha assento marcado e você está OBRIGADO a se apresentar para embarque com pelo menos 01h30 de antecedência nos voos nacionais e 03h00 nos voos internacionais., caso contrário o seu lugar poderá ser repassado aos passageiros em lista de espera.
PAGAMENTO: Podem ser pagos com cartão de crédito pessoa fisica em 9 x sem juros, dependendo da cia.

LIMITE DE BAGAGEM:
Nas excursões terrestres somente 1 mala por pessoa devido a limitação dos bagageiros dos veículos. 
Voos domésticos do Brasil: é necessário comprar a passagem com direito a 1 mala 23kg, podendo adquirir a segunda mala com pagamento.

América do Sul, Central e voos domésticos em quase todos os países, permitem somente 23 kg de bagagem despachada e mais 5 kg de bagagem de mão, com dimensões de 115cm.

Voos internacionais para os Estados Unidos, Europa, Ásia, África permitem 2 malas pesando 23 kg cada, total de 46 kg.

com dimensões de 158 cm cada. Voos intra Ásia e para Europa é permitido 1 mala com 20 kg.

São proibidos o transporte de qualquer material que possa pôr em risco a segurança dos passageiros: isqueiros, fósforos, sprays, gás, facas, tesouras, etc. e qualquer tipo de líquidos ou pastas até 100ml. Perfumes, medicamentos devem ser levados em sacos transparentes.  
TAXAS: de aeroportos, taxa combustível, etc. de outros países nem sempre são cobrados na emissão da passagem.,  observando que todos os dias são decretadas novas taxas ao redor do mundo que não são computados no ato da aquisição das passagens aqui no Brasil., alguns países, tais como: Argentina, Peru, Colômbia, Países do Oriente Médio e Ásia, cobram estas e outras taxas localmente e devem ser pagos no ato do embarque.
Reservas do seu próximo voo, horário e assento devem ser reconfirmados logo após a chegada ou 72 horas antes do embarque.
A cia aérea não se responsabiliza por nenhum ato ou eventualidades que ocorram aos passageiros quando os mesmos não estiverem a bordo de seus veículos ou aeronaves, tornando-se o contrato de transporte aéreo mencionado na passagem o único compromisso.
EXTRAVIO DE DOCUMENTOS NO EXTERIOR: procure a representação diplomática do Brasil    www.mre.gov.br

3 – PARTE TERRESTRE – CRUZEIROS MARÍTIMOS – Cancelamento de serviços terrestres e reembolsos:
Reservas de hotéis e aluguel de carros com tarifas regulares aceitam o cancelamento com até 3 dias úteis sem multas ou com multa de 1 diária ou 10%., no entanto é comum tarifas promocionais não reembolsáveis e principalmente pacotes para grandes eventos tais como feiras comerciais, subordinados a vários contratos de fornecimentos de serviços., o organizador está comprando antecipadamente e garantindo os lugares por sua conta e risco, neste caso não é possível cancelar. Normalmente o cancelamento deve ser pedido até 31 dias antes do embarque., com menos de 30 a 15 dias antes, estarão sujeitos a multa de 20% do valor total., 14 a 8 dias 50% do valor, com menos de 7 dias úteis 70% do valor e valores que não puderem ser recuperados.,  a partir de 3 dias antes e após o início dos serviços não haverá reembolso., pois os serviços estarão sendo realizados com o lugar vazio e os hotéis também não reembolsam por estar do embarque 100%
Não há reembolso de serviço de traslado não utilizado por atraso de voo ou qualquer outro motivo, pois estes serviços são contratados por hora marcada.

Cruzeiros marítimos em geral cobram20% (vinte por cento) do valor da tarifa, para cancelamento efetuados com 119 a 91 dias antes do embarque.,

50% (vinte por cento) do valor da tarifa, para cancelamento efetuados com 90 a 61 dias antes do embarque.,

75% (vinte por cento) do valor da tarifa, para cancelamento efetuados com 60 a 31 dias antes do embarque.,

100% (vinte por cento) do valor da tarifa, para cancelamento efetuados com 30 dias ou menos.

Pacotes para Carnaval, Natal, Réveillon e para outros grandes eventos como Copa do Mundo, Feiras Têxteis, Plásticos, Feira de Hannover, Couromodas, Pret a Porter, etc. são exigidos pagamentos integral no ato da reserva e geralmente não são reembolsáveis., aceitam a substituição até um determinado prazo. Diferente de comércio ou indústria, na área de serviços não é possível estocar para vender posteriormente, por isso conforme a aproximação da data os prazos se tornam cada vez mais inflexíveis e os preços cada vez mais caros… as vezes mais barato, conforme lei de procura e oferta.

4 – Acomodações nos Hotéis:
Diárias iniciam a partir do check-in por volta 15h00 e check-out até as 12:00 horas. Acomodações em triplo: a terceira pessoa normalmente é acomodada em sofá ou cama de armar, nos Estados Unidos são em 2 camas de casal inclusive para o quarto hóspede.

Passageiros compartilhando aptos que venham por qualquer razão a separar no decorrer da viagem, terão que pagar adicional para acomodação individual.

5 – Seguro de viagem: www.segurviaje.com.br
Para utilizar é SEMPRE necessário a prévia comunicação com a empresa seguradora., principalmente para checar se há hospitais ou médicos conveniados no local., não havendo, as despesas serão reembolsados posteriormente mediante relatórios e comprovantes, com o número do BO. Seguro viagem para cruzeiros marítimos são sempre com reembolso posterior. Seguro de bagagem disponibilizadas pelas empresas de seguros e assistência de saúde não cobre roubos ou extravios de bagagens, exceto quando em posse da companhia aérea. Nenhum hotel proíbe entrada de visitantes ou controla as bagagens, logo também não assume nenhuma responsabilidade por extravios dentro de suas dependências, exceto quando guardados em seu cofre.

6 – Custos de serviços (Fees)
Porterages ou serviços de bagageiros nos aeroportos internacionais custam em média US$ 4,00 por volume, assim como nos hotéis, logo para subir e descer com as bagagens dos aptos custará US$ 8,00 por volume., horas extras de guias ou motoristas custam em média US$ 30,00 se com veículo e combustível considerar aproximadamente US$ 60,00 a hora extra., O que antes se solucionava com gorjeta hoje são precificados e a gorjeta que eram espontânea, hoje são quase compulsório ! Evite surpresas perguntando sempre os valores que serão cobrados, principalmente os que são debitados no seu cartão de crédito !

7 – Bônus de Milhagem
Devido a dados pessoais e senhas (PIN)., não fazemos cadastros, nem controlamos saldos ou emitimos passagens com milhas. A conta é pessoal.

Cadastre se junto a rede a que pertence a Cia que irá utilizar através dos links abaixo.

Deve ser feito antes do embarque e apresentar o número da sua conta no ato do check in de cada voo.

Não joguem o seu boarding pass sem verificar se as milhas foram creditados. Ao jogar destrua o código de barras.

Algumas tarifas promocionais não creditam milhas.

Veja mais: http://www.staralliance.com/pt/about/airlines/                http://www.oneworld.com/ow/member-airlines           http://www.skyteam.com/about/carriers

8 – Alterações:
Por motivos de força maior ou imprevistos., como tempestades, ciclones, terremotos., atrasos de voo, os prestadores de serviço pode não conseguir realizar o serviço, ou para efetivar tenha que alterar o itinerário e as vezes o serviço; eventuais despesas devem ser pago no ato.

9 – Alfândega:    www.receita.fazenda.gov.br > aduana > viajantes
Pode-se adquirir no exterior o equivalente a US$ 500,00 via aérea e mais US$ 500,00 no free shop do terminal de desembarque. Veja detalhadamente no site acima.

10 – Registro de artigos estrangeiros e declaração de valores:
Não há necessidade de registrar Câmeras Digitais, filmadoras, notebooks, relógio, joias de uso pessoas.

VALORES acima de R$ 10.000,00 ou equivalente em moeda estrangeira por CPF, devem ser declarados junto à Receita Federal.

Para ingressar em qualquer país geralmente o limite é de US$ 10.000,00 por família. É obrigatório a declaração de valores superiores a US$ 10.000,00, a omissão está sujeito a penalidades e confisco.

Reserve suas viagens internacionais com pelo menos 3 meses de antecedência e nacionais com 2 meses., alterações somente em último caso, para não perder as vantagens promocionais.